Evangelho-do-dia-20-de-Agosto-de-2020

Evangelho do dia 20 de Agosto de 2020

Leitura diária para quinta-feira, 20 de agosto de 2020

Leitura 1, Ezequiel 36: 23-28
Salmo Responsorial, Salmos 51: 12-13, 14-15, 18-19
Evangelho, Mateus 22: 1-14

Leitura 1, Ezequiel 36: 23-28

23 Vou manifestar a santidade do meu grande nome, que foi profanado entre as nações, o qual vós profanastes entre elas. E as nações vão saber que eu sou o Senhor – oráculo do Senhor Javé -, quando em você eu mostrar o meu santidade diante de seus olhos.

24 Pois eu vos tirarei dentre as nações, e vos congregarei de todos os países, e vos trarei para casa, para a vossa terra.

25 Eu derramarei água limpa sobre você e você será purificado; Vou purificá-lo de toda a sua sujeira e de todos os seus ídolos nojentos.

26 Eu vos darei um coração novo e porei um espírito novo em vós; Vou remover o coração de pedra de seus corpos e dar-lhes um coração de carne.

27 Porei o meu espírito em ti e te farei guardar as minhas leis, e respeitar e praticar os meus juízos.

28 Você vai morar no país que dei aos seus antepassados. Você será meu povo e eu serei o seu Deus.

Salmo responsorial, Salmos 51: 12-13, 14-15, 18-19

12 Devolve-me a alegria da tua salvação, sustenta em mim um espírito generoso.

13 Vou ensinar os ímpios seus caminhos, e os pecadores vai voltar para você.

14 Livra-me de derramamento de sangue, Deus, Deus da minha salvação, ea minha língua vai aclamar sua justiça salvadora.

15 Senhor, abra meus lábios, e minha boca vai falar a sua louvor.

18 Na tua benignidade fazei o bem a Sião; reconstruí os muros de Jerusalém.

19 Então você se deleitará com os sacrifícios justos – ofertas queimadas e oblações inteiras – e novilhos serão oferecidos no seu altar.

Evangelho, Mateus 22: 1-14

1 Jesus começou a falar com eles por parábolas mais uma vez,

2 ‘O reino dos céus pode ser comparado a um rei que deu uma festa no casamento de seu filho.

3 Mandou seus servos chamarem os convidados, mas eles não quiseram.

4 Em seguida, ele enviou mais alguns servos com as palavras: “Dizei aos convidados: Vejam, meu banquete está todo preparado, meus bois e gado gordo foram abatidos, tudo está pronto. Venham às bodas.”

5 Mas eles não estavam interessados: um foi para a sua fazenda, outro para o seu negócio,

6 e os outros agarraram seus servos, maltrataram-nos e mataram-nos.

7 O rei ficou furioso. Ele despachou suas tropas, destruiu aqueles assassinos e queimou sua cidade.

8 Então disse aos seus servos: “As bodas estão prontas; mas, como os convidados se mostraram indignos,

9 vá até a encruzilhada principal e convide todos que você encontrar para vir ao casamento. ”

10 Assim, esses servos saíram para as estradas e reuniram todos que puderam encontrar, bons e bons igualmente; e o salão do casamento encheu-se de convidados.

11 Quando o rei entrou para ver os convidados, notou um homem que não estava usando uma veste nupcial,

12 e disse-lhe: Como é que entraste aqui, meu amigo, sem roupa nupcial? E o homem ficou em silêncio.

13 Então o rei disse aos assistentes: “Amarre-o de pés e mãos e lance-o na escuridão lá fora, onde haverá choro e ranger de dentes”.

14 Porque muitos são convidados, mas nem todos são escolhidos. ‘

Filmes online grátis

X
Rolar para o topo