Pronunciamento de Bolsonaro leva a panelaços e críticas nas redes sociais

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez pronunciamento em rede nacional nesta terça-feira, 24, e voltou a ser alvo de panelaços em ao menos 10 grandes cidades do País: São Paulo, Brasília, Curitiba, Salvador, Rio de Janeiro, Recife, Belo Horizonte, Fortaleza, Porto Alegre e Belém. Os protestos começaram com mais intensidade a partir das 20h30, quando o presidente deu início ao discurso. A hashtag (palavra-chave) #ForaBolsonaro? esteve entre os assuntos mais comentados no Twitter à noite.

Em pronunciamento, Bolsonaro criticou o fechamento de escolas e voltou a citar a cloroquina, remédio que ainda não tem a eficácia contra o coronavírus confirmada.

Grande parte de sua fala foi para atacar a imprensa por “espalhar o pavor” do novo coronavírus no País. Mesmo com a recusa em mostrar os exames que apontariam negativo para a doença, o presidente disse também que, pelo seu histórico de atleta, nada sentiria se fosse acometido pela covid-19.

Além de ter completado 65 anos no último sábado e fazer parte do grupo de risco da enfermidade, Bolsonaro viajou com ao menos 22 pessoas que receberam diagnóstico positivo para a doença.

Fonte terra

 

Filmes online grátis

X
Rolar para o topo